Pesquisar

Canais

Serviços

Publicidade
Publicidade
Publicidade
Após 8 dias

Londrina: autora de assassinato em mototaxi se entrega

Redação Bonde
19 jun 2012 às 08:01
siga o Bonde no Google News!
Publicidade
Publicidade

A principal suspeita de um assassinato registrado no último dia 10 se apresentou na Delegacia de Homicídios em Londrina durante a tarde desta segunda-feira (18).

A empresária Andréia Galhardo do Santos, 36, é acusada de ter assassinado Giovane Pereira de Moraes, 22, na frente da mulher grávida.

Cadastre-se em nossa newsletter

Publicidade
Publicidade


Segundo a versão da acusada, no mototaxi onde o crime aconteceu estava o filho dela quando a vítima chegou e pediu para usar o banheiro, mas como estava em condições precárias não foi permitido mas oferecido outro banheiro. Giovane ficou irritado por causa da recusa e começou a agredir o filho dela e saiu dali informando que voltaria para continuar a confusão. Em seguida, o filho a avisou sobre o incidente, e ela se deslocou rapidamente para o estabelecimento.

Leia mais:

Imagem de destaque
Com 11,3 Kg de Maconha

Homem que transportava drogas no interior da mala é preso em Rolândia

Imagem de destaque
Vingança

Quatro membros de uma mesma família são presos por homicídio no Noroeste do PR

Imagem de destaque
Corpo foi localizado na terça

Quatro homens são presos por homicídio e ocultação de cadáver no Noroeste do PR

Imagem de destaque
Novas evidências

Polícia investiga incêndio em restaurante como estelionato; proprietário nega envolvimento


Ainda segundo a empresária, Giovane retornou com mais três pessoas em um veículo e passaram a agredir o filho dela. Para defender o filho, Andréia pegou a arma e disparou para o alto como alerta. Ao perceberem que ela estava armada, Giovane partiu para cima da empresária, que para se defender disparou contra ele a queima roupa.


Finalizando o relato, Andréia contou que uma das pessoas que estava com a vítima também quebrou o estabelecimento e fugiu com R$ 8 mil, montante que havia sacado no banco.

O depoimento da empresária foi colhido pela equipe da Delegacia de Homicídios, e as investigações continuam.


Publicidade

Últimas notícias

Publicidade