Pesquisar

Canais

Serviços

Publicidade
Pedido negado

Príncipe Harry enfrenta dívida de mais de R$ 6 milhões após perder processo

UOL/Folhapress
29 fev 2024 às 16:05
- Divulgação
siga o Bonde no Google News!
Publicidade
Publicidade

O príncipe Harry pode enfrentar uma dívida de cerca de R$ 6,3 milhões após perder um processo contra o Ministério do Interior do Reino Unido.


Harry perdeu uma ação judicial em que pedia proteção policial quando estivesse em solo britânico. Em fevereiro deste ano, o Ministério do Interior decidiu que o príncipe deixaria de receber segurança policial automaticamente quando no Reino Unido, mesmo que Harry cobrisse os custos. Cada visita seria avaliada individualmente. 

Cadastre-se em nossa newsletter

Publicidade
Publicidade


A segurança foi negada nas últimas viagens que o príncipe fez para o Reino Unido. No processo, advogados de Harry afirmam que o caçula do rei Charles 3º recebeu "tratamento ilegal e injusto" por parte do governo britânico.

Leia mais:

Imagem de destaque
Obras

Justiça do Rio suspende multa de R$ 16 milhões a Neymar por lago artificial

Imagem de destaque
Vítima tem 10 anos

Casal é preso por produzir pornografia infantil e por estupro de vulnerável em Londrina

Imagem de destaque
Alerta

Hepatites virais matam 3,5 mil pessoas por dia no mundo, afirma OMS

Imagem de destaque
Produtos roubados em Maringá

Em Londrina, homem diz ter comprado caixas de verdura no marketplace e acaba preso por receptação


O príncipe ainda pode recorrer da decisão, mas terá que pagar as custas judiciais avaliadas em mais de R$ 6,3 milhões se o recurso for negado. Além dos próprios advogados, Harry terá que pagar as custas judiciais do Ministério do Interior se não tiver sucesso na ação. 


Em outubro, o Ministério do Interior informou que já havia gastado mais de R$ 2,5 milhões no caso, antes ainda de um julgamento de três dias em dezembro.


Em documentos do caso, Harry disse que "corre mais riscos" do que sua mãe, a princesa Diana, corria quando viva. Em uma carta escrita às autoridades logo após a decisão de fevereiro, Harry questionou "quem estava disposto a colocar ele e sua família em uma posição de extrema vulnerabilidade e risco, uma posição que ninguém estava disposto a colocar [sua] mãe há 23 anos e, hoje, com riscos maiores, com um nível maior de racismo e extremismo, há alguém disposto a ser responsável pelo que pode acontecer [com ele]."


Imagem
Treinador londrinense participa da 3ª temporada de 'Largados e Pelados'
O treinador londrinense Richards Moura é um dos participantes da nova temporada do reality show Largados e Pelados. O programa estreia nesta quinta-feira (29) na Max, nova plataforma de streaming da Warner Bros, e dia 3 de março, no canal Discovery.
Publicidade

Últimas notícias

Publicidade