Pesquisar

Canais

Serviços

Pixabay
Continua depois da publicidade
Continua depois da publicidade
Fica a dica!

Respingos de tinta na lataria do carro? Confira como acabar com eles

Redação Bonde com Assessoria
23 ago 2017 às 09:09
Continua depois da publicidade

Quem acabou de lavar o carro faz de tudo para preservar a lavagem por muito tempo. Mas, às vezes, estacionar em locais que estão passando por reformas podem ocasionar respingos na lataria do automóvel. Assim, selecionamos aqui algumas dicas para conseguir um reparo perfeito.

Continua depois da publicidade
PUBLICIDADE

1 - Apurar sobre a tinta que caiu ou arranhou: O primeiro passo é saber sobre a tinta que foi respingada na lataria do veículo. Para a remoção das que são à base de água, como as látex, a solução é fácil. É possível remover com um pano, algodão ou esponja, utilizando um polidor. Massa de vidraçaria nova também pode ser usada para remover a tinta, mas tem que encerar o carro depois, porque a pintura costuma ficar embaçada após o processo. Em alguns casos de sorte, uma simples lavagem com água e sabão já deixa o seu carro como novo, mas o ideal é utilizar xampu específico para automóveis. Depois, um bom polimento ou mesmo o uso de cera já dão um excelente resultado.

Continua depois da publicidade
Continua depois da publicidade


2 - Carros Zero: Se o veículo for zero quilômetro, os respingos de tinta podem ser removidos com tiner. Mas, cuidado! O tiner é um solvente muito forte e pode estragar a pintura se você não tiver experiência. É preciso que um profissional faça o serviço de remoção. Importante: o solvente não pode ser utilizado nos carros que já passaram por pinturas, porque existe o risco dela ser danificada ou retirada.


3 - Remoção de tintas spray: Antes de iniciar qualquer processo de remoção de tinta spray que tenha respingado no carro, é bom testar o produto removedor num canto escondido do veículo. Alguns são apresentados especificamente como removedores de tinta spray, mas é bom tomar cuidado. No caso das janelas, o uso de acetona pode ser bem eficiente, e a limpeza é fácil. Tiner, WD-40 e álcool isopropílico são recomendados para a remoção dessas tintas, e uma ponta plástica afiada, como um raspador de gelo ou uma espátula plástica podem ajudar nos pontos espessos de tinta. Mas cuide para não raspar muito, e não entrar em contato com o acabamento do veículo.

4 - Outras dicas: Existe uma pasta abrasiva, conhecida como massa roxa, que também é utilizada para remover respingos de tinta da lataria do carro. A pasta deve ser mergulhada num recipiente com água, e depois passada em pedaços pequenos na lataria do veículo, retirando aos poucos a tinta respingada. No fim do processo, o carro deve ser encerado. Outra forma de remoção de tintas do veículo é o uso de querosene, mas o cheiro é horrível e muitas pessoas têm alergia. Há ainda outra forma bem simples, apesar de lenta e trabalhosa, que é a utilização de massa de calafetar vidro. Neste caso, a massa deve ser nova ou estar em boas condições de uso, e o carro deve ser bem lavado antes do procedimento.


Continue lendo