Pesquisar

Canais

Serviços

Publicidade
Acompanhe no YouTube!

Evento “Sextou Sociológico” terá debate com Padre Julio Lancellotti

Redação Bonde com Agência UEL
02 set 2021 às 17:51
- Divulgação/Projeto Práxis
siga o Bonde no Google News!
Publicidade
Publicidade

O padre Julio Lancellotti, vigário da Pastoral do Povo da Rua da Arquidiocese de São Paulo, é um dos convidados para o terceiro encontro do “Sextou Sociológico”, que abordará a temática “Desigualdades sociais e a população em situação de rua”. Marcado para esta sexta-feira (3), a partir das 19h30, o evento será transmitido pelo canal do projeto de extensão Práxis Itinerante UEL (Universidade Estadual de Londrina). Acesse aqui para acompanhar o evento no YouTube. 


Segundo o coordenador do projeto, Fábio Lanza, do Departamento de Ciências Sociais, do CCH (Centro de Letras e Ciências Humanas), o padre Julio se tornou referência durante a pandemia da Covid-19 sobre os cuidados com as pessoas em situação de rua. “Ele é uma figura nacional, reconhecia pela atuação junto aos movimentos sociais e população em situação de rua”, explica. Julio Lancellotti é ainda pároco na Matriz Paroquial de São Miguel Arcanjo, no bairro da Mooca, em São Paulo e fundador da Casa Vida, entidade beneficente que atende crianças abandonadas que são portadoras do vírus HIV em São Paulo.

Cadastre-se em nossa newsletter

Publicidade
Publicidade


Também participam da conversa os convidados Marco Antonio da Rocha, assistente social do Ministério Público do Paraná, um dos articuladores da “Pesquisa POP Rua”, levantamento sobre a população em situação de rua de Londrina feito em parceria com a UEL em 2019, e o estudante recém-aprovado no curso de Relações Públicas da UEL, André Luís Barbosa, que esteve em situação de rua por vários anos.

Leia mais:

Imagem de destaque
Liminar

STF prorroga cotas raciais em concursos até nova lei ser votada

Imagem de destaque
Inscrições abrem nesta segunda

TCE-PR altera datas de concurso público para não coincidir com CNU

Imagem de destaque
Assembleia virtual

Professores da rede estadual aprovam greve para 3 de junho

Imagem de destaque
Alerta

Apenas 15% das estações de monitoramento de rios enviam dados em tempo real no Brasil


Encontros - Mais de 200 pessoas estão inscritas para os encontros do Sextou Sociológico, que nesta segunda temporada tem formato de curso e disponibiliza certificação. Elas são provenientes de várias cidades do Paraná, e também de outros estados como São Paulo, Paraíba, Minas Gerais, Bahia e Rio de Janeiro.

Publicidade


Nos próximos meses, sempre às sextas-feiras, às 19h30, os participantes poderão acompanhar o tema desigualdade social a partir das temáticas: pessoas transexuais; questão agrária e movimentos sociais; questão urbana e movimentos sociais; e educação e intolerância religiosa. A programação completa fica disponível na rede social do projeto Práxis Itinerante (acesse aqui).

Publicidade


Para a estudante do curso de Ciências Sociais/CCH e monitora do projeto, Ana Beatriz Pavilhao Boscariol, as temáticas abordadas no Sextou Sociológico tem o objetivo de aproximar os participantes da realidade vivida pelos convidados. “São temas atuais, com pessoas que vivem a situação. Deixa de ficar distante, porque personifica as pessoas. Estamos falando de pessoas que têm o mesmo direito que o nosso”, afirma.

 

Ela ainda considera que a experiência no projeto significa transformar as teorias estudadas no curso em ações práticas para além dos muros da Universidade. “A gente vê o que leu, se materializando”, constata.

Todas as informações sobre a segunda temporada do Sextou Sociológico estão disponíveis na rede social do projeto Práxis Itinerante.

Publicidade

Últimas notícias

Publicidade