Pesquisar

Canais

Serviços

- Divulgação/Projeto Práxis
Acompanhe no YouTube!

Evento “Sextou Sociológico” terá debate com Padre Julio Lancellotti

Redação Bonde com Agência UEL
02 set 2021 às 17:51
Continua depois da publicidade

O padre Julio Lancellotti, vigário da Pastoral do Povo da Rua da Arquidiocese de São Paulo, é um dos convidados para o terceiro encontro do “Sextou Sociológico”, que abordará a temática “Desigualdades sociais e a população em situação de rua”. Marcado para esta sexta-feira (3), a partir das 19h30, o evento será transmitido pelo canal do projeto de extensão Práxis Itinerante UEL (Universidade Estadual de Londrina). Acesse aqui para acompanhar o evento no YouTube. 

Continua depois da publicidade


Segundo o coordenador do projeto, Fábio Lanza, do Departamento de Ciências Sociais, do CCH (Centro de Letras e Ciências Humanas), o padre Julio se tornou referência durante a pandemia da Covid-19 sobre os cuidados com as pessoas em situação de rua. “Ele é uma figura nacional, reconhecia pela atuação junto aos movimentos sociais e população em situação de rua”, explica. Julio Lancellotti é ainda pároco na Matriz Paroquial de São Miguel Arcanjo, no bairro da Mooca, em São Paulo e fundador da Casa Vida, entidade beneficente que atende crianças abandonadas que são portadoras do vírus HIV em São Paulo.

Continua depois da publicidade


Também participam da conversa os convidados Marco Antonio da Rocha, assistente social do Ministério Público do Paraná, um dos articuladores da “Pesquisa POP Rua”, levantamento sobre a população em situação de rua de Londrina feito em parceria com a UEL em 2019, e o estudante recém-aprovado no curso de Relações Públicas da UEL, André Luís Barbosa, que esteve em situação de rua por vários anos.


Encontros - Mais de 200 pessoas estão inscritas para os encontros do Sextou Sociológico, que nesta segunda temporada tem formato de curso e disponibiliza certificação. Elas são provenientes de várias cidades do Paraná, e também de outros estados como São Paulo, Paraíba, Minas Gerais, Bahia e Rio de Janeiro.

Continua depois da publicidade


Nos próximos meses, sempre às sextas-feiras, às 19h30, os participantes poderão acompanhar o tema desigualdade social a partir das temáticas: pessoas transexuais; questão agrária e movimentos sociais; questão urbana e movimentos sociais; e educação e intolerância religiosa. A programação completa fica disponível na rede social do projeto Práxis Itinerante (acesse aqui).


Para a estudante do curso de Ciências Sociais/CCH e monitora do projeto, Ana Beatriz Pavilhao Boscariol, as temáticas abordadas no Sextou Sociológico tem o objetivo de aproximar os participantes da realidade vivida pelos convidados. “São temas atuais, com pessoas que vivem a situação. Deixa de ficar distante, porque personifica as pessoas. Estamos falando de pessoas que têm o mesmo direito que o nosso”, afirma.

 

Ela ainda considera que a experiência no projeto significa transformar as teorias estudadas no curso em ações práticas para além dos muros da Universidade. “A gente vê o que leu, se materializando”, constata.

Todas as informações sobre a segunda temporada do Sextou Sociológico estão disponíveis na rede social do projeto Práxis Itinerante.

Continue lendo