Pesquisar

Canais

Serviços

- Rodolfo Gaion/CMTU
Continua depois da publicidade
Continua depois da publicidade
Do berçário ao P4

Jardim Nova Esperança em Londrina recebe Centro de Educação Infantil para atender 108 alunos

Redação Bonde com N.Com
14 set 2021 às 17:29
Continua depois da publicidade

Na manhã desta segunda-feira (13), mães, pais e responsáveis pelas crianças do Jardim Nova Esperança comemoraram a inauguração do primeiro Centro de Educação Infantil do bairro. O prefeito Marcelo Belinati e a secretária municipal de Educação, Maria Tereza Paschoal de Moraes, estiveram na Rua Sebastião Pedroso de Moraes, s/n, para a inauguração do CEI (Centro de Educação Infantil) Professora Maria Inês Vieira dos Santos Lozano.

Continua depois da publicidade


A unidade escolar já está atendendo desde o dia primeiro de setembro de 2021, com 44 alunos do berçário ao P4. Mas, o espaço tem capacidade para receber até 108 crianças dos seis meses até os 4 anos de idade. Para preencher todas as vagas, está sendo feito o cadastro das crianças por meio da Central de Vagas de Londrina, órgão responsável pelos encaminhamentos dos alunos da rede municipal de ensino.

Continua depois da publicidade


“Nós já sabemos quais crianças serão atendidas, porque elas fizeram um cadastro na Central de Vagas e a gente vai encaminhá-las para cá até o final de setembro. Umas 35 crianças estavam em outras unidades, como no União da Vitória, e agora voltaram para cá”, elucidou a secretária municipal de Educação, Maria Tereza Paschoal de Moraes.


A moradora Jenifer Coutinho de Oliveira esteve na inauguração e comemorou a nova obra do bairro. Isso porque, ela reside a duas quadras da creche e tem uma filha de um ano de idade, que poderá estudar no CEI Professora Maria Inês Lozano. “Essa creche vai ajudar bastante as mães e os pais aqui da região, porque o pessoal tinha que sair cedo para ir até lá em cima, na creche do União, e muitos não tinham como ir de transporte e iam a pé. Em dias de chuva, com criança, era bem complicado”, contou a mãe.

Continua depois da publicidade


Sobre isso, o prefeito Marcelo Belinati, lembrou que quando o bairro foi criado, há cerca de 10 anos, não havia equipamentos públicos de educação e, por isso, os alunos e pais precisavam se deslocar diariamente até os CMEI (Centros Municipais de Educação Infantil) Francisco Seixas e Marina Saboia, ou ainda até Caic (Escola Municipal Zumbi dos Palmares).


“O Jardim Nova Esperança não tinha creche e nem escola. As crianças tinham que sair daqui e ir até o União da Vitória, subir uma pirambeira, que não tinha nem calçada, para poder assistir a aula. Agora tem uma creche moderna, com tudo do bom e do melhor, atendimento durante o dia todo, com cinco refeições diárias, com merenda de qualidade e uniforme. É um direito das nossas crianças e nosso dever, enquanto gestor público, tratar com amor, carinho, respeito e atenção as crianças de Londrina”, disse Marcelo.


Esse era um pedido antigo dos moradores que, desde 2010, vinham requerendo a benfeitoria. O representante do bairro, José Guilherme Alves, disse que o primeiro pedido havia sido feito há 11 anos. “Em 2010, a gente fez o pedido. Aqui era um terreno de praça, que foi transformado para poder fazer a creche. Era um sonho dos moradores, porque além de valorizar bem o bairro, vai facilitar a vida dos moradores que dependem da matrícula na creche para poder trabalhar”, contou Alves.


O Centro de Educação Infantil do Jardim Nova Esperança segue o modelo Proinfância Tipo C e contém cinco salas de aulas; sala para a secretaria, para os professores, de informática e multiuso; vestiários, banheiros para professores e adaptados para as crianças; lavanderia, cozinha, refeitório, almoxarifado; fraldário, lactário e pátio geral com cobertura. Para sua construção, a Prefeitura de Londrina investiu R$ 2,1 milhões dos cofres públicos municipais. A responsável pelas obras foi a Cbeng Engenharia e Construção Civil Ltda, ganhadora do processo licitatório.


Quando o quadro de alunos estiver completo, a unidade contará com 17 profissionais que atuarão na parte pedagógica e nos serviços de apoio ao funcionamento da creche. “Faz muitos anos que os moradores têm lutado por essa creche e, graças a Deus, agora eles conseguiram realizar o sonho deles. Estamos felizes por fazermos parte desse sonho”, falou a diretora da creche Daniele de Araújo Pereira, e participante da Associação do Clube de Mães do Conjunto Habitacional Maria Cecília Serrano de Oliveira, filantrópica conveniada da Prefeitura. A instituição já possui outros três convênios com o Município, que são: Centros Municipais de Educação Infantil Maria Cecília, Santo Antônio e Professora Kátia Maria Garcia Killner.


Homenageada – A creche do Jardim Nova Esperança homenageia a Professora Maria Inês Vieira dos Santos Lozano, por meio da autorização dada pela Lei Municipal nº 13.117/2020, publicada no Jornal Oficial do Município n.º 4.151. Lozano nasceu em 11 de dezembro de 1948, em Araçatuba, interior de São Paulo. Em Piracicaba, cursou magistério e, em 1972, concluiu o curso de Ciências Domésticas (Nutrição) na Esalq-USP (Escola Superior de Agricultura Luiz de Queiroz). Dois anos mais tarde mudou-se para Londrina.


Em 1976, iniciou a carreira como professora na rede estadual e municipal de ensino, atuando em diversas escolas da cidade. Foi a primeira diretora da Escola Municipal Atanázio Leonel, em 2001, onde exerceu o mesmo cargo até 2011. Faleceu em 23 de setembro de 2012, em decorrência de um câncer. “Estou muito emocionada com a homenagem prestada a minha mãe. Quem conheceu ela, sabe da pureza e do amor que ela tinha com todos. Este lugar está a cara dela: lindo e cheio de amor. Tenho certeza que minha mãe está sorrindo lá do céu”, se emocionou a filha da homenageada, Mariana Lozano.


Outras melhorias – Além dessa grande obra, a administração do prefeito Marcelo Belinati escolheu o Jardim Nova Esperança e o União da Vitória para serem os primeiros bairros de Londrina a receberem a iluminação de LED, que é mais eficiente, econômica e inteligente. Também entregou, em julho de 2021, uma academia ao ar livre na esquina das Ruas Rosane Wainberg com Geraldo de Souza Vieira. Também foi instalado um parque infantil com gangorra, balanço, escorregador e gira-gira entre as Ruas Rosane Wainberg e Carmelo Ferraro.


Participaram da solenidade, os vereadores Matheus Thum; Ailton Nantes; Lenir de Assis; Jairo Tamura; Emanuel Gomes; Fernando Madureira e Chavão. Estiverem presentes também o vice-prefeito, João Mendonça; o chefe de gabinete, Moacir Sgarioni, o diretor-presidente da CMTU (Companhia Municipal de Trânsito e Urbanização), Marcelo Cortez; os secretários municipais de Cultura, Bernardo Pellegrini; Obras e Pavimentação, João Verçosa e Silva; Planejamento, Orçamento e Tecnologia, Marcelo Canhada; e de Saúde, Felippe Machado, além de líderes da comunidade e moradores do bairro.

Continue lendo