Pesquisar

Canais

Serviços

- Gustavo Carneiro/Equipe Folha
Continua depois da publicidade
Continua depois da publicidade
Bons resultados

ExpoLondrina deve ter recorde de reciclagem em 2013

Bruna Quintanilha - Redação Bonde
11 abr 2013 às 18:00
Continua depois da publicidade

Em menos de uma semana a Exposição Agropecuária de Londrina já registrou bons índices de reciclagem. De acordo com Orlando José de Souza, da Admita RH, que coordena os trabalhadores da limpeza do Parque, até a quarta-feira (10), 2,5 toneladas de alumínio haviam sido recolhidas e encaminhadas para a reciclagem. "Esse número mostra um crescimento em relação ao ano passado, quando recolhemos 2 toneladas neste mesmo período. Além disso, 450 kg de plástico fino foram coletados", explicou em entrevista ao Bonde.

Continua depois da publicidade
PUBLICIDADE

Apesar de ainda não ter calculado o número exato da coleta de outros tipo de plásticos, copos, isopor e papelão, Souza comemora o resultado. "A expectativa é de consigamos reciclar de 70 a 80% do lixo neste ano".

Continua depois da publicidade


Cerca de 300 pessoas, fazem diariamente a limpeza do Parque de Exposições Ney Braga. Os trabalhadores agem juntamente com ZRF Ambiental, responsável pelo Plano de Gerenciamento de Resíduos Sólidos do evento. Neste ano, o público também pode ajudar na separação do lixo, descartando os resíduos orgânicos nos tambores azuis com sacos pretos e os recicláveis nos tambores verdes com sacos da mesma cor. "Notamos que as pessoas têm se preocupado e ajudado na separação. A conscientização por parte do público está bem maior", comentou Souza.


Depois que os funcionários recolhem o lixo, o material segue para um silo nas dependências do Parque onde é feita a triagem. Depois de separado, o material orgânico é transformado em compostagem, os resíduos são levados ao aterro e o reciclado é vendido. Cerca de 100 a 120 toneladas de resíduos orgânicos e rejeitos devem ser gerados durante a Expo.

Além do público, os estandes e restaurantes da ExpoLondrina também ajudam na separação do lixo. Os comerciantes foram orientados e assinaram um compromisso de separar os rejeitos. Caso o acordo não seja cumprido, os estandes podem ser notificados e até multados.


Continue lendo

Últimas notícias

Publicidade