Pesquisar

Canais

Serviços

Publicidade
Jornada de Paul Atreides

Duna - Parte 2 estreia nos cinemas brasileiros: confira a crítica do Londrina Geek

Londrina Geek
29 fev 2024 às 08:35
- Divulgação
siga o Bonde no Google News!
Publicidade
Publicidade

Denis Villeneuve é conhecido por sua habilidade em dirigir filmes visualmente impressionantes e narrativas envolventes, como “Blade Runner 2049” e “A Chegada”. Muitos fãs tinham grandes expectativas para sua interpretação de “Duna”, especialmente considerando o elenco estelar e a promessa de uma produção de alta qualidade. Após o lançamento da primeira parte, a régua aumentou ainda mais na espera pela continuação de uma obra considerada inadaptável, principalmente por conta dos novos personagens da trama, como Feyd-Rautha, a princesa Irulan e o Imperador. (Qualquer semelhança com Star Wars não é mera coincidência)


A jornada de Paul Atreides continua exatamente de onde parou no primeiro filme. Ele se une à Chani e aos Fremen em uma guerra de vingança contra os Harkonnen, que destruíram cruelmente sua família. Diante de uma escolha entre o amor de sua vida e o destino do universo, Paul tenta decifrar como viver um futuro terrível que consegue prever.

Cadastre-se em nossa newsletter

Publicidade
Publicidade


Destaque para as atuações de Austin Butler e Rebecca Ferguson, que em vários momentos se utilizam de sutilezas para expressar seus personagens. O filme, inclusive, equilibra muito bem detalhes e sutilezas com grandes cenas de ação, o que o torna mais apressado em relação ao primeiro. Atuações mais diretas como a de Javier Bardem, que traz até alívios cômicos em momentos de seriedade com o fanatismo de Stilgar, e Dave Bautista, com toda a fúria de Rabban, também são louváveis.

Leia mais:

Imagem de destaque
Com altos e baixos

Ghostbusters: Apocalipse de Gelo - Confira nossa crítica!

Imagem de destaque
Evento gratuito

Segunda edição do Geek Day chega a Londrina nesse final de semana

Imagem de destaque
Assistimos FNAF! Confira a crítica

Five Nights at Freddy's - O Pesadelo Sem Fim chega aos cinemas e agrada os fãs da franquia.

Resistência
Confira a nossa crítica!

Resistência é um filme que bebe de fontes conhecidas do diretor; já assistimos!


Visual e trilha - ou ausência dela, em momentos cirúrgicos - estão impecáveis, fazendo com que os dois filmes, que agora podem ser vistos como um só, já façam parte das obras clássicas e essenciais da sétima arte. Ninguém melhor para adaptar a obra de Frank Herbert do que Villeneuve, que se prova cada vez mais o grande messias quando se trata de adaptações de sci-fi atualmente.

Publicidade


O filme estreia em todo território nacional hoje, 29 de fevereiro.

Acompanhe nosso conteúdo no Instagram: @londrinageek


Crítica por: Giovanni Christian Fulgêncio


Publicidade

Últimas notícias

Publicidade