28/02/20
32º/19ºLONDRINA
Marcos Vinicius
Marcos Vinicius
16/01/2020 - 22:34
Imprimir Comunicar erro mais opções
SINOPSE:
Tentado em revisitar o mundo de Jumanji, Spencer (Alex Wolff) decide consertar o jogo de videogame que permite que os jogadores sejam transportados ao local. Logo o quarteto formado por Smolder Bravestone (Dwayne Johnson), Moose Finbar (Kevin Hart), Shelly Oberon (Jack Black) e Ruby Roundhouse (Karen Gillan) ressurge.



Jumanji: Próxima Fase (2020) possui um roteiro bem básico, ao ponto de não justificar a necessidade da aventura, haja visto que o anterior, Jumanji: Bem-vindo à Selva (2017), já carregava esse peso nas costas, pelo fato de o seu antecessor Jumanji (1995) ter sido uma grande obra, que se resolve de maneira individual muito bem.

No entanto, esta sequência ainda consegue garantir um bom divertimento, aproveitando para passar mensagens novas durante o longa.

Sentindo-se um tanto derrotado e com vontade de ser, novamente, como Dr. Bravestone, o jovem Spencer (Alex Wolff) decide retornar à Jumanji. Quando seus amigos descobrem, vão atrás dele para resgatá-lo. E mesmo voltando para dentro do jogo, a trama busca o novo apresentando habilidades novas aos jogadores e uma possibilidade ainda maior dentro da aventura, onde os jogadores podem trocar de avatares, o que traz um show de atuações, fazendo menção à Jack Black, que, mais uma vez, se consagra e entrega um carisma gigante ao espectador.

Mais sentimentalista, a trama aborda os diferentes relacionamentos dos personagens, colocando em tela um novo arco que envolve Milo Walker (Danny Glover) e Eddie (Danny DeVito), colocando neles um foco, ao transmitir uma história emocionante de parceria e companheirismo.

A ação ocorre, porém fica em segundo plano, pois com antagonistas esquecíveis, que estão ali somente para que o núcleo dos personagens avatares vençam o jogo, ainda há cenas que o caracterizam como um filme de aventura.

Por ser um filme que a direção do mesmo brinca com as possibilidades que este o permite, com atores versáteis e trama simples, a diversão é garantida e proporciona risadas sem muita pretensão.

O filme termina mais uma vez com a possibilidade de uma sequência, em uma cena pós-créditos, no entanto, será que arriscariam mais um? O que vocês acham?

Assistiu ao filme? Gostou?
Deixe sua opinião nos comentários!

Muito obrigado por nos acompanhar e até a próxima crítica.

Essa crítica é um oferecimento Cinemas Lumiére.

Siga no Instagram e conheça a rede em Londrina.

COMENTÁRIOS
Pixe Clevelandia
Bom. Tive o prazer de assistir.Tem uma trama em que não se pode desgrudar os olhos da telona.
(1) - 20/01/20 12:16:10
COMENTE ESTE POST

 Caracteres restantes : 2000
Marcos Vinicius
 
Olá pessoal, meu nome é Marcos Vinicius, sou fundador do TrooperTV, idealizador do Encontro de Fãs Star Wars Londrina e hoje falo com vocês em nome do Londrina Geek. Estarei aqui toda semana para conversarmos um pouco sobre o mundo Geek, onde iremos criar uma agenda dos eventos da região, comentar sobre filmes, séries, livros, discutir sobre alguns lançamentos do mundo dos games e também falar de colecionismo. Esse mundo é extremamente vasto, participo dele desde pequeno e atualmente estou ativo em vários canais de comunicação. Acompanhe-nos em nossas redes sociais! @trooper.tv | @efswlondrina | @londrinageek



ARQUIVO
Mês
Ano
AVISO: Opiniões e informações contidas nos blogs hospedados nesta plataforma são de responsabilidade exclusiva dos autores e não refletem os valores do Portal Bonde.
PUBLICIDADE