Pesquisar

Canais

Serviços

Continua depois da publicidade
Continua depois da publicidade

O Guardião de Memórias - Kim Edwards **

21 jun 2010 às 18:28
Continua depois da publicidade

Hoje vou publicar a resenha de um livro que eu achava que seria incrível, mas que decepcionou um pouco.

Continua depois da publicidade
PUBLICIDADE


Aproveito para explicar que vou começar a dar nota para as obras, de 1 a 5, sendo 1 (*) para um livro ruim ou fraco; 2 (**) para um livro bom, mas que poderia ser melhor; 3 (***) para uma história ótima, e que cumpriu sua função como obra literária; 4 (****) para um livro excelente, e 5 (*****) para aquela história que é excelente, mas que, de alguma forma, conseguiu surpreender.

Continua depois da publicidade


Quero lembrar que essa é uma escala de notas opinativa, e qualquer leitor que discorde do que foi publicado tem o direito de dar sua própria avaliação nos comentários, usando essa escala ou não.


"O Guardião de Memórias", de Kim Edwards, traz uma história muito comovente. No inverno de 1964, uma violenta tempestade de neve obriga o Dr. David Henry a fazer o parto de seus filhos gêmeos, Phoebe e Paul. O menino nasceu primeiro e é perfeitamente saudável. A menina, porém, tem sinais irrefutáveis de Sindrome de Down, e Henry, assombrado por lembranças dolorosas do passado, toma uma atitude que mudará a história da família para sempre.

Continua depois da publicidade


Caroline, a enfermeira que ajudou Dr. Henry no parto dos gêmeos, recebe ordens do médico para levar a menina para adoção. Henry, por sua vez, diz à mulher que Phoebe morreu. E então, a enfermeira, sensibilizada com a situação, resolve criar a menina como filha.


Nesse momento você para e pensa: opa! já vi essa história em algum lugar. De fato, Manoel Carlos abordou essa questão em Páginas da Vida. Não assisto novela, mas parece que a temática era um pouco diferente.


A história chama atenção e aguça a curiosidade do leitor. Não fosse por uma "falha" da escritora o livro seria ótimo. A narração é excessivamente detalhada e lenta. A história não tem ritmo e, em alguns capítulos, chega a ser enfadonha.

Kim Edwards é uma escritora excelente e possui uma narração impecável. Porém, o desenrolar da história é prejudicado pelos longos capítulos detalhados. Isso, na minha opinião, não prende a atenção do leitor. E vocês, o que acharam?


Continue lendo

Últimas notícias

Publicidade