Pesquisar

Canais

Serviços

- Divulgação/Londrina Iluminação
Continua depois da publicidade
Continua depois da publicidade
Neste domingo

Dia do Trabalhador em Londrina é marcado por protestos contra e pró-governo

Reportagem Local
02 mai 2022 às 08:26
Continua depois da publicidade

Assim como em outras cidades do Brasil, o Dia do Trabalhador foi marcado por protestos contra e pró governo Jair Bolsonaro (PL) neste domingo (1º). Pela manhã, o ato na avenida Saul Elkind, em frente ao ginásio do conjunto Maria Cecília, na zona norte, reuniu integrantes do Coletivo de Sindicatos de Londrina e Comitê Unificado, além de representantes dos movimentos LGBTQIA+, mulheres e indígenas. Depois foi feita uma caminhada durante a feira. 

Continua depois da publicidade
PUBLICIDADE


Na pauta do movimento estiveram críticas à atual gestão nacional, com citações e cartazes lembrando o número de desempregados, aumento da fome e o que consideram desmonte dos direitos dos trabalhadores. Também foram frisados os preços dos alimentos, combustível e do gás, que encareceram o custo de vida da população. Durante a manifestação os participantes enalteceram a figura do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, que é pré-candidato do PT (Partido dos Trabalhadores) nas eleições deste ano e tem aparecido em primeiro nas pesquisas de intenção de voto. 

Continua depois da publicidade


No período da tarde o protesto foi favorável ao presidente Bolsonaro. Com camisetas nas cores verde e amarelo os manifestantes fecharam a rotatória da avenida Higienópolis com a Juscelino Kubitschek, na região central. Entre as lideranças classificadas de direita que comandavam o carro de som estavam uma vereadora londrinense e deputados federais com domicílio eleitoral no município. Os presentes saíram em defesa do que consideram liberdade e reclamaram da atuação do STF (Supremo Tribuna Federal). 


Nos discursos tiveram depoimentos de desaprovação às medidas sanitárias adotadas ao longo da pandemia de Covid-19 pelo governador Ratinho Junior (PSD) e pelo prefeito Marcelo Belinati (PP), como fechamento do comércio, limitação de pessoas em eventos particulares e a obrigatoriedade da vacinação para funcionários públicos municipais. O nome do presidente Jair Bolsonaro foi lembrado em diversas oportunidades, com elogios ao governo e a necessidade de um novo mandato. Um boneco inflável do chefe do Executivo brasileiro foi colocado em cima de um caminhão.


Leia mais na Folha de Londrina.

Continue lendo

Últimas notícias

Publicidade