Pesquisar

Canais

Serviços

Isaac Fontana/Frame Photo/Folhapress
Continua depois da publicidade
Continua depois da publicidade
7 de setembro

Comandante diz que PM de Londrina evitará confrontos de grupos pró e contra Bolsonaro

Guilherme Marconi - Grupo FOLHA
07 set 2021 às 08:57
Continua depois da publicidade

Ao contrário da Polícia Militar de São Paulo, a PM do Paraná não divulgou o efetivo que será empregado para atuar durante as manifestações dessa terça-feira (7), feriado da Independência. O tenente-coronel Nelson Villa, responsável pelo comando do 5º Batalhão da PM em Londrina, disse que as manifestações estão asseguradas pela Constituição e informou que a corporação irá atuar para coibir atos de violência, caso seja necessário intervir. "Iremos atuar da mesma forma que sempre atuamos em grandes ou nas menores manifestações: através da presença, da orientação, para assegurar o exercício dos direitos constitucionais da livre manifestação e ao mesmo tempo prontos para intervenção caso haja quebra da ordem", respondeu à FOLHA.

Continua depois da publicidade
PUBLICIDADE


De acordo com Villa, a PM em Londrina já fez coleta de dados das manifestação e todo o planejamento para acompanhar os atos do Dia da Independência. "Se forem ocorrer manifestações de esquerda ou de direita, para a Polícia Militar pouco importa na medida que vamos encarar de maneira impessoal. Agora, se forem realizados os dois, vamos cuidar para que um grupo não interfira no direito do outro."

Continua depois da publicidade


Questionado sobre um possível encontro dos dois grupos na região central de Londrina, o comandante da PM disse que haverá policiamento nos dois pontos da área para impedir que ambos os lados entre em confronto. "Caso necessário, iremos intervir."

Continua depois da publicidade


leia mais na FOLHA:  PMs só poderão se manifestar se estiverem à paisana

Continue lendo