Pesquisar

Canais

Serviços

Publicidade
Reintegração de posse

UEL ingressa com ação para saída de estudantes de hotel

Redação Bonde
01 jun 2009 às 08:07
siga o Bonde no Google News!
Publicidade
Publicidade

Um grupo de 15 estudantes da Universidade Estadual de Londrina (ULE) resiste a saída e permanece ocupando hotel no centro de Londrina, após a conclusão das obras da Casa do Estudante. O hotel, localizado na avenida São Paulo, está com suas portas e janelas bloqueadas.

Técnicos da UEL foram ao local, mas não encontraram ninguém. O contrato de aluguel entre as partes já se encerrou. Agora, para realizar reformas e entregar o prédio em boas condições, a Universidade deve ingressar com ação judicial de reintegração de posse.

Cadastre-se em nossa newsletter

Publicidade
Publicidade


"Estamos comunicando a administração da Universidade sobre a impossibilidade de adentrar no local. Acredito que uma das alternativas será a reintegração de posse", disse o diretor do Serviço de Bem Estar Social da UEL (Sebec), Oswaldo Yokota. A procuradoria confirmou à rádio CBN Londrina a medida.

Leia mais:

Imagem de destaque
Regiões norte e oeste

Após testes, três novos radares serão ativados nesta segunda em Londrina

Imagem de destaque
Saiba como se inscrever!

Mulheres: Londrina abre vagas para oficina de marketing de pós-vendas e fidelização

Imagem de destaque
PR-545

Tachas com LED são implantadas em rodovia entre Londrina e Distrito da Warta

Imagem de destaque
Mudança de paradigmas

Seminário da OAB-Londrina vai discutir o animal como sujeito de direitos


Os alunos ali presentes criticam os critérios de seleção da universidade. "Um dado interessante é que 77 alunos estavam regulares no hotel, mas apenas 64 se inscreveram para ocupar uma das vagas da Casa dos Estudantes. Eles não se inscreveram e querem pleitear vaga", reclamou o diretor.

Leia também
Reitor da UEL chama alunos de desocupados


Publicidade

Últimas notícias

Publicidade