Pesquisar

Canais

Serviços

Publicidade
Ação conjunta

PCPR e PRF deflagram operação contra grupo ligado a roubos de cargas na Grande Curitiba

AEN
27 jun 2023 às 09:58
- Divulgação/PCPR
siga o Bonde no Google News!
Publicidade
Publicidade

A Polícia Civil do Paraná (PCPR) e a Polícia Rodoviária Federal (PRF) prenderam 17 integrantes de uma associação criminosa ligada a pelo menos sete roubos de cargas, com prejuízo estimado de R$ 2 milhões. A ação aconteceu na manhã desta terça-feira (27), em Curitiba, Pinhais, Mandirituba e São José dos Pinhais.  


Mais de 70 policiais participaram da ação, que ainda contou com o apoio da Guarda Municipal de Pinhais, cães e um helicóptero da PCPR. 

Cadastre-se em nossa newsletter

Publicidade
Publicidade


Durante as buscas, os policiais civis apreenderam seis armas de fogo, dois bloqueadores de sinal, além de outros itens ligados aos roubos, incluindo celulares roubados na última semana.  

Leia mais:

Imagem de destaque
EM PENSIONATO

Estudante de medicina brasileiro é encontrado morto em quarto no Paraguai

Imagem de destaque
Decisão provisória

Justiça proíbe líder de suposta ONG em Maringá de pedir dinheiro para tratamento de animais

Imagem de destaque
Constrangia a vítima

Bombeiro de Maringá é denunciado pelo Ministério Público por assédio sexual a oficial subordinada

Imagem de destaque
32 toneladas de ração animal

Polícia Rodoviária Federal evita roubo de carga após carreta tombar na BR-369, em Andirá


“Apuramos que essa é uma quadrilha que atua há bastante tempo na região, inicialmente com roubos de cargas de cigarros, mas ela também passou a roubar cargas de eletrônicos e eletrodomésticos, como geladeiras e máquinas de lavar”, afirma o delegado André Feltes. 

Publicidade


PM intensifica ações de combate à pesca predatória e recolhe redes de espera fixa no Litoral

Inscrições para concurso que selecionará 10 novos cadetes para os Bombeiros vão até agosto

Publicidade

As investigações tiveram início há seis meses. Conforme apurado, os suspeitos possuem passagens por roubos de cargas e outros crimes. 


“Orientamos que os motoristas fiquem atentos, principalmente nos locais em que vão dormir, buscando lugares com mais movimento. A orientação é procurar a polícia assim que perceberem qualquer movimentação estranha”, complementa o coordenador da operação pela PRF, Mark Ferreira. 


(Atualizada às 16h48)


Imagem
Gaeco e Receita Federal fazem operação contra empresas de transporte de mercadorias contrabandeadas no Paraná
O grupo criminoso criava, formalmente, empresas fictícias que eram utilizadas para a emissão de notas fiscais “frias”, a fim de dar aparente regularidade no transporte de mercadorias contrabandeadas.
Publicidade

Últimas notícias

Publicidade