Pesquisar

Canais

Serviços

Publicidade
Vítimas de atentado

Velório de Luan deve começar durante sepultamento de Karoline em Cambé

Redação Bonde
20 jun 2023 às 17:34
Velório de Karoline Verri Alves no salão paroquial da Igreja Matriz de Cambé
Velório de Karoline Verri Alves no salão paroquial da Igreja Matriz de Cambé - Redação Bonde
siga o Bonde no Google News!
Publicidade
Publicidade

O velório do estudante Luan Augusto, vítima do atentado ao Colégio Estadual Helena Kolody, em Cambé (Região Metropolitana de Londrina) está programado para começar entre as 18h e 19h desta terça-feira (20), horário aproximado do sepultamento de Karoline Verri Alves, que era sua namorada e também morreu no ataque à escola.


O velório está programado para ocorrer no salão paroquial da Igreja Matriz de Cambé, onde Karoline também foi velada. Ambos eram membros ativos da comunidade católica. Após constatado o óbito, a família autorizou a doação de córneas de Luan, o que atrasou a chegada do corpo para a vigília póstuma.

Cadastre-se em nossa newsletter

Publicidade
Publicidade


Um ato simbólico pela paz está sendo convocado para as 19h30 de quarta-feira (21), em frente ao colégio, a partir das 19h30. Em mensagem que viralizou nas redes sociais, são convocados pais, alunos, professores e a população cambeense para que se unam “em oração”. 

Leia mais:

Imagem de destaque
Iria para Curitiba

Carro é flagrado com 73,25 kg de cocaína em fundo falso em Ibiporã

Imagem de destaque
BR-277

Duas pessoas morrem em engavetamento envolvendo seis veículos em Guarapuava

Imagem de destaque
Bandeirantes e Cornélio

Quatro pessoas são presas com quase 80 quilos de maconha no Norte do Paraná

Imagem de destaque
Motorista do carro foi preso

Polícia Militar apreende mais de 240 quilos de maconha e recupera veículo furtado em Arapongas


Imagem
Com orações, música e salva de palmas, multidão acompanha enterro de Karoline Alves em Cambé
Dentre crianças, jovens, adultos e idosos, cambeenses ou vindos de outras cidades da região, centenas de pessoas compareceram ao sepultamento de Karoline Verri Alves na tarde desta terça-feira


O caso

Publicidade


Karoline e Luan foram vítimas de um ex-aluno, de 21 anos, que entrou no Colégio Helena Kolody na manhã de segunda-feira (19) com a desculpa de solicitar uma cópia de seu histórico escolar e passou a atirar a esmo


Ela faleceu na hora, enquanto Luan foi socorrido para o HU (Hospital Universitário) da UEL (Universidade Estadual de Londrina), mas não resistiu aos ferimentos e veio a óbito nesta madrugada.


O atirador foi imobilizado por um prestador de serviços que trabalhava ao lado da escola e detido pela Polícia Militar. Em depoimento, ele afirmou que não conhecia as vítimas, que planejava o atentado desde 2020 em retaliação a suposto bullying que teria sofrido quando foi aluno da instituição e que pretendia fazer o maior número de vítimas possível.


Um outro homem foi detido na noite de segunda por suspeita de envolvimento no planejamento do atentado.

Publicidade

Últimas notícias

Publicidade