07/04/20
32º/19ºLONDRINA
PUBLICIDADE
|
Cuidados na pandemia

Atletas tiram a barba para evitar vírus: será que funciona?

Em meio a tantas dúvidas sobre métodos que evitem a disseminação do coronavírus, circulou nas últimas semanas uma orientação para que os homens tirem a barba. Nas redes sociais, vários atletas aderiram ao visual de cara limpa e lançaram o desafio para os colegas barbudos.

Reprodução / Instagram
Reprodução / Instagram


Os jogadores de vôlei Wallace e Bruno Rezende publicaram a transformação em seus perfis no Instagram e incentivaram outras pessoas a fazer o mesmo. O gesto foi repetido pelo ex-atacante e comentarista Grafite, além de profissionais da televisão, como Danilo Gentili e Felipe Andreoli.

Ver essa foto no Instagram

A @rafabrites me pediu pra falar 3 ações que eu estou fazendo contra o COVID-19. 1 - Fiz a barba, pois infectologistas e especialistas disseram que a barba tem mais chances de reter o vírus. Nao custa nada 2 - Sempre que tiver agua e sabonete por perto, utilizar este método pra limpar as mãos. Economizar ao máximo o alcool em gel, pois é algo que ja está faltando no comércio. Álcool em gel so quando nao tiver outra opção. 3 - Nossos funcionários estão dispensados (e pagos, claro). Ficou só a babá do Rocco, pois ela mora aqui. Vou desafiar os minhas amigas @barbarapcoelho e @gentilfernanda a compartilhar o que elas estao fazendo no combate ao corona vírus. Vamos juntos ❤

Uma publicação compartilhada por andreolifelipe (@andreolifelipe) em







O argumento para manter o rosto liso é que a barba dificultaria a higiene e manteria por mais tempo as secreções que carregariam o vírus.
Porém, de acordo com o infectologista Philipe Bellinati, do hospital Evangélico de Londrina, "não há relatos que impliquem a barba como transmissor do coronavírus. Quem requer maiores cuidados são os profissionais de saúde, que precisam usar máscaras".

"Devido à presença da barba, a máscara pode perder a capacidade de vedação do material, o que pode diminuir sua capacidade de filtrar vírus e impurezas. Para os homens que não sejam profissionais de saúde, a menos que necessitem usar máscara, a simples higiene com água e sabão é suficiente para limpar a barba. Lógico, além de mantê-la curta ou aparada, o que facilita essa higienização”, explica Bellinati.

A recomendação é semelhante para o cuidado com os cabelos. Segundo o médico, "já há protocolos que orientam uso de cabelos presos, conforme orientação dos Serviços de Controle de Infecção Hospitalar. Durante atendimento aos pacientes com suspeita de coronavírus, orienta-se uso de toucas. No caso da população em geral, não há necessidade. Apenas uma higienização e lavagem adequada já é suficiente.”

*Sob supervisão de Larissa Ayumi Sato.
Tiago Santos - Estagiário*
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
Conteúdo relacionado:
Câncer de próstata
Aos 77 anos, morre Zoca, o irmão mais novo de Pelé
Pandemia
Histórico de atleta não impediu campeão olímpico de sofrer com coronavírus
Pegou mal
Tenista se desculpa após vídeo com 'brincadeira' sobre pandemia
Continue lendo
Na justiça
Justiça paraguaia libera Ronaldinho Gaúcho para prisão domiciliar
07/04/2020 18:10
De volta aos campos
Espanhol pode voltar no fim de maio ou início de junho, diz presidente
07/04/2020 16:25
Desafio cumprido
Atleta sul-africana supera desafio de Cristiano Ronaldo e faz 176 abdominais em 45 segundos
07/04/2020 15:01
Paralisação
Dirigentes conversam com CBF para volta gradual do futebol
07/04/2020 11:50
Bolsas para esportistas
Governo do Paraná divulga regulamento do programa Geração Olímpica
07/04/2020 10:03
Veja mais e a capa do canal