Pesquisar

Canais

Serviços

Ricardo, de Bauru, marca a saída de bola do Londrina - Divulgação/LNB
Continua depois da publicidade
Continua depois da publicidade
Complicou

Londrina perde e torce por milagre

André Bueno - Redação Bonde
24 mar 2010 às 22:25
Continua depois da publicidade

Milagre. Essa é a palavra que será fundamental para a classificação do Campos do Conde/Sercomtel/Londrina para à próxima fase do Novo Basquete Brasil. Na noite desta terça-feira (23), no ginásio do Colégio Mãe de Deus, o representante paranaense caiu diante do GRSA/Itabom/Bauru pelo placar de 87 a 74. A partida, válida pela nona rodada do returno, foi adiada devido à interdição do Darci Cortez, o Moringão.

Continua depois da publicidade
PUBLICIDADE

Com o revés, o Londrina precisa de um milagre para conquistar a vaga nos playoffs da competição. Com apenas seis vitória em 22 jogos disputados, os comandados de Ênio Vecchi precisarão vencer dois dos quatro jogos que restam e ainda torcer contra seus adversários diretos, o Palmeiras/Lupo/Araraquara, o Vila Velha/Cetaf/Garoto/UVV e o Paulistano/Amil.

Continua depois da publicidade


Nas próximas rodadas, o Londrina enfrentará Universo/Brásilia e o Pitágoras/Minas, ambos fora de casa, e, na sequência, atuará contra o Vila Velha e o Saldanha, em casa. "São quatro jogos importantes que precisamos ter o mesmo espírito para buscarmos a classificação. Ainda não jogamos a toalha e enquanto houver chance, lutaremos por ela", enfatizou o treinador Ênio Vecchi.


Enquanto o Campos do Conde está na 13ª colocação com um aproveitamento de 27.27%, o Bauru, com a vitória, subiu para a oitava posição com 45.45% de aproveitamento – 10 vitórias e 12 derrotas.


A PARTIDA
O duelo contou com o retorno do pivô Adriano, que havia se lesionado na partida contra o Vivo/Franca enquanto o ala/armador Rodrigo seguiu ausente com dores no pé direito. Pelo lado de Bauru, o pivô norte-americano Jeff Agba voltou à equipe após ter cumprido um jogo de suspensão e, a agremiação paulista teve o desfalque do ala Soró, lesionado.

Continua depois da publicidade


No primeiro tempo, a equipe bauruense teve uma forte defesa que atrapalhou a penetração dos atletas de Londrina. Desta forma, o time paranaense arriscou muitos chutes de três pontos e errou lances primários no garrafão de ataque. Com isso, o time paulista fechou em vantagem de seis pontos – 55 a 49.


No terceiro quarto, Bauru começou a imprimir um ritmo muito forte e se atrapalhou em muitos lances. O Londrina não soube aproveitar as chances que teve para igualar o marcador e os comandados de Jorge Guerra aumentaram a diferença para oito tentos – 71 a 63.


No último período, Bauru soube manter a consistência enquanto Londrina não conseguia trabalhar a posse de bola e tentava, sem sucesso, arremessos de três. No fim, Bauru levou a melhor – 87 a 74.


Ao término do confronto, Guilherme Filipin – que foi o cestinha da partida com 23 pontos – desolado, chorou no banco de reservas e foi consolado pelos companheiros. Pelo lado de Bauru, o destaque foi Fischer, com 21 tentos.

Confira os resultados disputados na sexta-feira:
Flamengo 78 x 70 Vivo/Franca
São José/Unimed/Vinac 96 x 89 Palmeiras/Lupo/Araraquara
Vila Velha/Cetaf/Garoto/UVV 85 x 92 Universo/BRB/Financeira Brasília
Guaraná Antártica/Vitória/Saldanha 72 x 81 Pitágoras/Minas
Paulistano/Amil 85 x 80 Pinheiros/SKY
Ciser/Araldite/Univille/Joinville 75 x 74 Assis Basket


Veja mais vídeos sobre esportes

Continue lendo

Últimas notícias

Publicidade