19/02/20
34º/21ºLONDRINA
PUBLICIDADE
Projeto Verão

Nutricionista dá dicas para ficar em forma sem abrir mão da saúde

Ela ressalta a importância de procurar um profissional para realizar um tratamento personalizado

O final do ano se aproxima e nessa época do ano todo mundo começa a se preocupar com a forma física do corpo. Nas tentativas de dormir com "barriguinha" e acordar com a "barriga chapada", muitas pessoas recorrem a regimes mirabolantes, que prometem a perda de peso em pouco tempo. Iludidas pelas dietas malucas de verão, muita gente passa horas e horas sem comer, alimentando-se apenas de água, sucos, legumes, além de ingerir remédios que prometem milagres.

A proposta pode ser até tentadora, mas não é real! Quem quer manter o corpo sempre em forma, deve saber que este é um trabalho longo, que requer reeducação alimentar, descanso, atividades físicas regulares, além de um acompanhamento nutricional e físico sempre que possível. Controlar o peso é essencial, mas isso jamais deve comprometer a saúde. Segundo nutricionistas, este plano de emagrecimento tem um cardápio balanceado que garante cintura fina sem colocar em cheque o funcionamento do organismo.


A nutricionista Andressa Barbosa afirma que o grande diferencial para quem quer emagrecer e cuidar da saúde está em nove princípios de nutrição. Seguindo à risca todos eles, e com a prática de atividades físicas regulares, é possível eliminar alguns quilos e garantir benefícios ao corpo.

A primeira dica é reduzir a quantidade dos alimentos ingeridos e procurar se alimentar de três em três horas. Diminua a quantidade de sal nas refeições e sempre monte um prato bem colorido, recheado de verduras, legumes e frutas. Evite ingerir gorduras e açúcares, coma bastante fibras, consuma vitaminas C e E, aumente a ingestão de peixe e linhaça e prefira sempre os carboidratos complexos, como pães, bolos, biscoitos, macarrão e arroz feitos com farinha integral.

"Nada como uma boa reeducação alimentar para o corpo ficar bonito e saudável. Nessa época do ano é natural que algumas pessoas queiram emagrecer de forma rápida, deixando de lado a preocupação com a saúde. Nossa orientação é que esta preocupação dure o ano inteiro, pois quando o final do ano chegar ninguém precisa correr atrás do prejuízo. De nada vale estar com o corpo bonito se ele não estiver saudável", acrescenta a nutricionista.

Andressa disse ainda que cada caso é um caso, por isso, as dietas disponíveis em revistas e internet, por exemplo, não valem para todos. O melhor é procurar auxílio nutricional para uma prescrição exata do melhor tratamento de reeducação alimentar a ser feito. "Este é o princípio de um trabalho de educação nutricional. Avaliamos cada caso, cada paciente para poder proporcionar a ele o melhor tratamento", finaliza.
Redação Bonde com Assessoria de Imprensa
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
comentários
Continue lendo
Investigação

Brasil monitora cinco casos suspeitos do novo coronavírus

Veja mais e a capa do canal