25/01/21
PUBLICIDADE
Fim do convênio

Prefeitura aguarda Polícia Federal para renovar porte de arma de guardas municipais

Saulo Ohara/Arquivo Folha
Saulo Ohara/Arquivo Folha


A Prefeitura de Londrina espera uma posição da Polícia Federal (PF) para renovar o porte de arma dos guardas municipais. Firmado em 2015, o convênio entre os dois órgãos terminou na terça-feira passada, dia 29 de setembro. O novo acordo, se for concretizado, prevê a parceria pelos próximos cinco anos.


Segundo o secretário de Defesa Social, Pedro Ramos, todos os agentes que foram habilitados nos exames psicológicos estão com o porte vigente. Por questões de segurança, o número total de servidores credenciados não foi revelado. A emissão do porte de arma é de competência da Secretaria de Defesa Social, mas é a PF a responsável pela fiscalização.

Veja também: Belinati anuncia liberação das áreas de lazer e áreas comuns de condomínio a partir desta segunda

"Dentro do prazo estabelecido, entregamos todas as documentações. Não sei se vão contestar algum ponto. Enquanto aguardo respostas, não posso emitir nada. Se algum guarda estiver com essa habilitação vencida e precisar renovar, não será possível porque estamos sem o convênio", ponderou Ramos.

A FOLHA apurou que um dos pontos que estão demandando uma análise mais minuciosa da PF é o cumprimento do artigo 13 do Estatuto Geral das Guardas Municipais, instituído pela lei 13.022, de 8 de agosto de 2014. Nessa parte, o regulamento diz que "o funcionamento das guardas será acompanhado por órgãos próprios, permanentes, autônomos e com atribuições de fiscalização, investigação e auditoria".

Desde o dia 3 de julho deste ano, a Corregedoria da Guarda Municipal de Londrina passou a integrar a Corregedoria-Geral do Município, inclusão prevista na lei municipal 13.090/2020. No final do mesmo mês, o prefeito Marcelo Belinati (PP) assinou um ofício ao superintendente da Polícia Federal no Paraná, Omar Gabriel Haj Mussi, dizendo que a junção "visa atribuir maior autonomia ao órgão, bem como sanar a falta de padronização dos procedimentos e decisões." O documento foi obtido pela FOLHA.

Veja o que disse o prefeito Marcelo Belinati sobre a situação lendo a matéria completa na Folha de Londrina.
Rafael Machado - Grupo Folha
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
Continue lendo
Obituário

Falecimentos dos dias 24 e 25 de janeiro de 2021 em Londrina e região

25 JAN 2021 às 07h11
Saiba mais

Casos de Covid podem bater recorde de dezembro, diz prefeito em live

24 JAN 2021 às 21h16
2º dia do ENEM

Paralisação de 35% da frota de ônibus prejudica estudantes de Londrina neste domingo

24 JAN 2021 às 10h38
Mais doses

Vacinas Oxford/AstraZeneca chegam a Londrina hoje

24 JAN 2021 às 10h22
Segundo protesto do dia

Manifestantes pedem impeachment de Bolsonaro no Calçadão

23 JAN 2021 às 17h49
Protesto em Londrina

Carreata pelo impeachment de Bolsonaro pede vacina para todos

23 JAN 2021 às 14h43
Veja mais e a capa do canal
JORNAIS
Folha de Londrina
TELEVISÃO
MultiTV Cidades
OUTRAS EMPRESAS
Grafipress
RSS - Resolução máxima 1024x728 - () - Bonde - Todos os direitos reservados