Pesquisar

Canais

Serviços

Publicidade
Níveis de controle?

Uso exagerado de inseticida é discutido em Londrina

Redação Bonde
14 out 2009 às 14:04
siga o Bonde no Google News!
Publicidade
Publicidade

O aumento, na última década, de 60% no uso de inseticidas para controlar pragas nas lavouras de soja preocupa a cadeia produtiva, que decidiu avaliar a necessidade de rever os atuais níveis de controle de desfolhadores (lagartas) e percevejos. O assunto está sendo discutido em um encontro aberto nesta quarta-feira (14) em Londrina.

O 1° Workshop Sobre Nível de Controle de Pragas da Soja reúne até amanhã (15) entomologistas de instituições de pesquisa, universidades, fundações de apoio à pesquisa, empresas vinculadas à cadeia produtiva de todo o país.

Cadastre-se em nossa newsletter

Publicidade
Publicidade


"Estamos procurando entender porque o agricultor não segue a recomendação técnica para o uso, que é o de só realizar a aplicação quando perceber uma infestação de 20 lagartas por metro linear ou dois percevejos nesse espaço", revela o pesquisador da Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa) Soja Adeney de Freitas Bueno.

Leia mais:

Imagem de destaque
Máxima de 19°C

Previsão: segunda-feira será de tempo instável e frio em Londrina e região

Imagem de destaque
Atividades gratuitas

Centro de Convivência da Pessoa Idosa da Zona Leste abre inscrições para oficina de Coro Cênico

Imagem de destaque
Quatro coreografias

Em Joinville, companhia londrinense compete no maior festival de dança do mundo

Imagem de destaque
Para começar a semana

Confira o cardápio do Restaurante Popular de Londrina desta segunda-feira


De acordo com o pesquisador, numa avaliação da lavoura, por meio do uso de técnica para a contagem dos desfolhadores, o produtor só terá o custo da mão de obra, podendo diminuir o de produção.


A idéia é avaliar se há demanda de novas pesquisas no sistema de produção. Os atuais níveis de controle das principais pragas foram determinados há mais de 20 anos.

Até o fim do encontro, os participantes decidirão a necessidade de rever os atuais níveis de controle de desfolhadores e a possível formação de uma rede de pesquisa para debater o assunto.


Publicidade

Últimas notícias

Publicidade