Pesquisar

Canais

Serviços

Publicidade
Publicidade
Publicidade
Região

Homem em carro furtado em Maringá morre em confronto com o choque da PM em Rolândia

Redação Bonde
13 jun 2024 às 10:47
- Divulgação/PM
siga o Bonde no Google News!
Publicidade
Publicidade

Um homem que estava em um carro furtado em Maringá (Noroeste) morreu em confronto com o  Batalhão de Choque da PM (Polícia Militar) em Rolândia (região metropolitana de Londrina) na noite de quarta-feira (12).


Durante operação Sentinela, que está em andamento na região Norte do Paraná, por volta das 20h, a equipe Choque encontrou um suspeito em um veículo ilícito, conforme denúncia recebida pela PM. Houve a tentativa de abordagem do automóvel de cor preta, mas o motorista não acatou e evadiu-se. Em determinado momento, ainda de acordo com a PM, ele teria sacado uma arma de fogo e apontado em direção aos policiais, que revidaram. 

Cadastre-se em nossa newsletter

Publicidade
Publicidade


O indivíduo chegou a ser socorrido, mas não resistiu aos ferimentos. Foi identificado como N.M.D.S.S., 32, pelo Corpo de Bombeiros, que o atendeu por volta das 20h30.

Leia mais:

Imagem de destaque
Bloqueios viários

PM aplica 13 notificações de trânsito em 34 veículos abordados em Londrina

Imagem de destaque
Região de Maringá

Pessoa é presa pela PF por contrabando de anabolizantes e cigarros eletrônicos em Floresta

Imagem de destaque
PR-445

Carro é flagrado com 308 kg de maconha em Londrina

Imagem de destaque
Região

Operação Grânia da PF Londrina prende homem em Rolândia por armazenar imagens e vídeos de abuso sexual infantil


Posteriormente foi verificado que a o automóvel estava com sinais identificadores alterados e havia sido furtado em Maringá no dia anterior. 


Foram apreendidos um revólver calibre .32, seis munições de mesmo calibre, uma parafusadeira, um alicate, uma chave catraca e um dispositivo eletrônico para partida.


Atualizada às 11h08.


Imagem
CAC que vendia armas para o crime organizado é preso em Londrina
A Polícia Civil do Paraná prendeu nesta quarta-feira (12) um CAC (Colecionador, Atirador Desportivo e Caçador) londrinense que estaria fornecendo armamento para o crime organizado.
Publicidade

Últimas notícias

Publicidade