Pesquisar

Canais

Serviços

Continua depois da publicidade
Continua depois da publicidade
BELA MANCHETE

Os hábitos dos brasileiros têm os aproximado de patologias como a hérnia de disco e doenças crônicas não transmissíveis

21 jan 2022 às 09:18
Continua depois da publicidade

o que fazer para sair desse "looping" de hábitos destrutivos

Continua depois da publicidade
PUBLICIDADE

 

Continua depois da publicidade

 Muitos profissionais da saúde alertam: é mais fácil manter hábitos saudáveis ao longo da vida criando uma rotina. Mas, como manter uma rotina quando todo o seu dia a dia muda drasticamente de forma involuntária? Esse foi- e ainda é-o caso de um grande número de pessoas que praticou o isolamento social e, ainda, vem trabalhando em formato home office.

 Com tudo isso, muitas pessoas relataram um aumento intenso na ansiedade, o que acarretou o aumento drástico no consumo de bebidas alcoólicas, comidas industrializadas, e consequentemente o ganho de peso. Isso é o que aponta a pesquisa ‘Doenças Crônicas e Seus Fatores de Risco e Proteção: Tendências Recentes no Vigitel”, realizada pelo IEPS (Instituto de Estudos para Políticas de Saúde) e publicada recentemente.

 E para sabermos as consequências reais dessas mudanças na vida do brasileiro, fomos conversar com a nutricionista e especialista em Modulação Intestinal e Nutrição Estética, Victoria Moreira e com o fisioterapeuta e especialista nas patologias da coluna vertebral, Pedro Paulo Justiniano.

Continua depois da publicidade

“O brasileiro, em sua maioria, “chutou o balde” para longe na pandemia de Covid-19. Muitas pessoas passaram a comer muitos industrializados, a beber pouca água, pois em casa tudo ficou “mais solto”, a aderir aos farináceos (farinha e derivados) ,  a comer mais doces, que promovem sensação de prazer, e em contrapartida, passaram a comer menos proteínas “, afirma Victoria. 


“Temos um perfil de paciente pós-pandemia que ganhou muito peso e muito rápido. Estamos falando de dez a quinze quilos a mais! E tudo isso causa não somente estresse estético, mas também dores nas articulações e até na coluna vertebral, afinal o corpo não está preparado para este peso”, conta Victoria. 

 E outros profissionais que receberam um aumento intenso por consultas foram os fisioterapeutas, como é o caso da Clínica em que Pedro atua. “O abandono dos exercícios físicos, longos períodos em uma mesma postura, trabalhar em casa em locais não adequados como sentado no sofá ou na cama. Noites mal dormidas e até a falta de hidratação, tudo isso, prejudica a coluna. E esses, são justamente os hábitos que cresceram após a pandemia”. 

E Pedro lembra também, que todos esses hábitos nocivos têm ligação direta com patologias mais graves na coluna, como a hérnia de disco. “ O sobrepeso corresponde a um importante fator de risco no desenvolvimento de hérnia de disco, com o aumento do peso corporal gera uma sobrecarga na coluna vertebral, resultando no pressionamento dos discos intravertebrais  localizados entre as vértebras, além do sobrepeso estar relacionado com a osteoporose”.


 E por falar em doenças mais graves, a Nutricionista Victoria, enfatiza que todos esses hábitos inadequados podem também fazer crescer o número das doenças crônicas não-transmissíveis. “ A obesidade, a hipertensão, diabetes e o colesterol alto são as doenças conhecidas como “doenças crônicas não transmissíveis” e geram inúmeros riscos e transtornos na vida de quem as desenvolvem”.

 Mas segundos os especialistas entrevistados, há luz no “fim do túnel”, confira as indicações de cada profissional:


DICAS DA NUTRICIONISTA VICTORIA MOREIRA PARA VIDA MAIS SAUDÁVEL:


1º Mude hábitos simples da sua vida, comece a beber mais água;

2º Faça higiene do sono, e o sono é muito importante em processo de emagrecimento e no tratamento de doenças crônicas;

3º Consuma proteínas. Temos iogurtes, queijo, ovos, proteína não é somente carne. A variedade de nutrientes pra gente é muito importante;

4º Ao invés de excluir alimentos, introduza mais alimentos, mas selecine-os. Introduza maior variedade de legumes e verduras no seu dia a dia;

5º Diminua o consuma de industrializados.Como por exemplo, aqueles temperos prontos. Inclua na sua comida os verdadeiros temperos: o alho, a cebola, orégano, mix de ervas, entre outros.


DICAS DO FISIOTERAPEUTA PEDRO PAULO JUSTINO:


1º Pratique exercícios físicos;

2º Maior cuidado com a postura durante as atividades doa dia a dia, como: postura ereta ao varrer a casa, prestar atenção na postura ao passar aspirador de pó, ao pegar peso, carregar bolsa, ao sentar no sofá de casa;

3º Verificar seu travesseiro e colchão;

4º Ao sinal de qualquer incômodo na coluna buscar um profissional especializado e saber quais as melhores condutas para remediar e prevenir patologias. 

Anotou tudo, pessoal? Dicas valiosas que promovem saúde e vida!


Para sugestões de pautas, envie-nos uma mensagem pelo Instagram do Blog @belamanchete .

 

Continue lendo

Últimas notícias

Publicidade