15/12/19
34º/21ºLONDRINA
PUBLICIDADE
Erika Gonçalves
Erika Gonçalves
19/12/2017 - 20:29
Imprimir Comunicar erro mais opções
O Facebook está cheio de vídeos engraçadinhos mostrando como gatos e árvores de Natal não combinam. Neles, os felinos se enroscam nos galhos, puxam o cordão de luzes, quebram bolinhas e por fim derrubam as coitadas.

Além da parte engraçada da coisa, precisamos estar atentos porque acidentes sérios podem acontecer. Ao morder um cordão eletrificado, os animais podem sofrer um choque. E não é porque é 110v que está tudo bem.

Os cordões de bolinhas ou festões também oferecem risco porque os animais podem engolir corpos estranhos ou até se enforcarem. E bolinhas quebradas podem cortar patas e boca.

Se o seu gato ou cachorro não pode ver a árvore de Natal que já quer derrubar tudo, o melhor é colocar o enfeite num local em que eles não tenham acesso. Ou então partir para outras opções, como árvores de crochê que podem ser penduradas na porta, guirlandas, meias e acessórios parecidos.
12/12/2017 - 09:18
Imprimir Comunicar erro mais opções
EDITADO - Marley já está com sua família!

O Marley desapareceu no domingo, dia 3 de dezembro, no centro de Londrina.

Ele está usando uma coleira peitoral azul, com a guia. A última foto dele foi feita na Av. Adhemar Pereira de Barros, na zona sul, na semana passada. Se alguém o vir, por favor tente recolhê-lo e entre em contato pelos números abaixo.

Divulgação
Divulgação
09/12/2017 - 09:46
Imprimir Comunicar erro mais opções



Quem está a fim de adotar um companheiro para fazer o ano novo muito mais feliz tem três opções neste final de semana!

Lembrando que um bichinho vive em média 20 anos e precisa de cuidados veterinários, carinho, alimentação, abrigo adequado e muito mais. Se você está planejando sair de férias, também precisa já saber quem irá tomar conta dos pets. Há muitos abandonos no final do ano, não colabore para isso! Adote com responsabilidade!!



Neste sábado, 9, das 10h às 16h tem a Feira de Adoção do SOS Vida Animal, no Mercadão da Prochet.

E no domingo, 10, é a vez da feira especial de Natal do Projeto Sete Vidas. Mais de 150 animais – 45 cães e 109 gatos - poderão ser adotados na Feira que acontece das 11 às 20 horas, no átrio ao lado do estacionamento descoberto do Boulevard Londrina Shopping.

No dia do aniversário de Londrina também tem feira de adoção no aterro do Igapó, promovida pela Associação Amigo Bicho. A feira será das 13h às 18h.

Os interessados em adotar devem ser maiores de 18 anos e apresentar comprovante de residência e documento com foto.
07/12/2017 - 09:23
Imprimir Comunicar erro mais opções
As férias estão chegando e, com ela, as viagens também. E é claro que se pudermos levar nossos companheiros, os pets, a jornada de descanso será melhor ainda. Mas para que realmente seja um passeio divertido é necessário que os tutores tomem algumas precauções.

Primeiramente, faça uma consulta ao veterinário e verifique se a saúde do seu animalzinho está em dia, se as vacinas e vermífugo foram dados corretamente, bem como a vacina antirrábica, que deve ser aplicada com, no mínimo, 30 dias de antecedência.

De carro

Se a viagem for de carro é importante utilizar uma caixa de transporte para a segurança do seu amigo e da família. Além de ser lei, dentro da caixa o bichinho não tentará pular pela janela ou em você enquanto estiver dirigindo.

Neste caso, é importante acostumar o pet com a caixa de transporte antes da viagem, caso ele ainda não seja habituado a ela.

Também existem cintos de segurança próprios para os peludos, que são facilmente encontrados no mercado pet.

Para garantir uma viagem tranquila faça treinos com passeios curtos de automóvel, dessa forma, ele se acostumará a permanecer por um período maior dentro do carro.

Caso a intenção seja transportá-lo na caixa de transporte, acostume-o a usá-la pouco a pouco, assim, ele sentirá segurança em ficar por horas dentro dela. Uma dica é deixar, neste local, um brinquedo para que o amigo possa morder e se sentir relaxado.

Durante o trajeto, faça paradas, saia com o seu animal do carro para que ele relaxe, e deixe-o fazer suas necessidades e farejar um pouco. Essa atitude simples evitará qualquer tipo de estresse. Ah, não se esqueça de oferecer água fresca nas paradas.

De avião

Se a viagem for de avião, é importante verificar com a companhia aérea quais os requisitos exigidos para transportar um pet, como o local que ele ficará durante o trajeto, quais as documentações necessárias para o embarque do peludo, se sua saúde e vacinas estão em dia e principalmente se ele está devidamente identificado.

Em viagens aéreas, alimente seu pet seis horas antes do embarque para evitar que ele sinta enjoo.

Se o animal for transportado em caixa, coloque um cobertor com o seu cheiro dentro dela e os brinquedos preferidos do amigo, para que ele fique mais tranquilo. Se ele puder ir com você na cabine leve petiscos, um pote de água, cobertor e brinquedinhos. Atualmente, as companhias rodoviárias também estão autorizando o transporte de animais.

É importante ressaltar que viagens para o exterior requerem cuidados detalhados e burocráticos, por isso, faça os devidos preparos com antecedência, pois eles envolvem exigências inclusive com o Ministério da Agricultura e Centro de Zoonoses, além das exigências estipuladas pelo país visitado. Para não correr riscos, tome todas as precauções com, no mínimo, 120 dias de antecedência.

Seguindo os passos acima, curta a viagem com seu melhor amigo. Certamente histórias e aventuras não faltarão.

Por Paula Miranda, adestradora e franqueada da Cão Cidadão
29/11/2017 - 21:13
Imprimir Comunicar erro mais opções
Não é novidade que as ongs de Londrina não recebem verbas oficiais e dependem unicamente de doações para auxiliar os animais abandonados.

Ração, dinheiro, remédios, produtos de limpeza, casinhas e cobertores são muito ben-vindos, mas se você não está em condições financeiras para doar nada disso, ainda pode doar seus cupons fiscais. Basta dizer ao caixa que não quer colocar seu CPF e fazer a doação nas urnas espalhadas pela cidade.

Mas como nem sempre tem uma urna por perto, às vezes acabamos com aquele papel na bolsa, que termina muitas vezes todo amassado ou pior ainda, perde a validade, já que os cupons devem ser doados em no máximo 30 dias após a emissão.

Para facilitar para todo mundo, tem um aplicativo para smartphone que nos possibilita fazer o cadastro de forma muito rápida e prática.

O nome é Cupong.me e pode ser baixado nas lojas de aplicativo tanto para Android quanto para IOS.



Depois de baixar, você deve selecionar o estado do Paraná e em seguida selecionar a instituição para quem quer fazer a doação.

Em seguida clique em "Ler QRCode". A câmera vai se abrir e basta apontar para o código no cupom, que nada mais é do que aquele desenho formado por inúmeros pontos.

Aguarde se acenderem pontos verdes no desenho e o aplicativo vai confirmar que o cupom já foi cadastrado. Pronto! Você já fez sua doação.
Erika Gonçalves
 
Formada em Jornalismo pela Universidade Estadual de Londrina em 1997. Apaixonada por bichos desde sempre, mas sem vocação para ser médica veterinária. Já teve um "zoológico" em casa quando criança. Está sempre buscando novidades sobre o comportamento animal. É repórter da Folha de Londrina.



ARQUIVO
Mês
Ano
AVISO: Opiniões e informações contidas nos blogs hospedados nesta plataforma são de responsabilidade exclusiva dos autores e não refletem os valores do Portal Bonde.
PUBLICIDADE