11/12/19
º/º
PUBLICIDADE

Nossa crônica

Para que você acredite

E mais uma vez peguei a caneta para por no papel reflexões que estão dentro de mim e, nem sempre, consigo expressá-las oralmente. O tempo é de novidade, mas nem por isso os dias têm sido dos mais leves. Uma ideia nova aqui, uma proposta empolgante ali e, paulatinamente, o futuro vai se delineando. Bem, e quem disse que seria fácil? Acreditar é a receita para fazer acontecer. Esforço-me à maneira que posso, para ver florir um jardim em que o beija-flor possa desfrutar do néctar da flor que se oferece a ele. Ave de beleza rara, de toque sútil, o beija-flor é prenúncio de dias coloridos. Porém, é mister vislumbrar adiante e crer que esses dias estão reservados para um futuro próximo e próspero. Mudanças são inevitáveis em nosso vida, o tempo passado é memória que se faz amena e, não raras vezes, pesada, mas é o tempo que diz respeito ao que vivemos e isso ninguém apaga, tampouco nos tira. O agora é administrar os dias, é valorizar as flores que seguramos em nossas mãos, é não esquecer que o futuro é sol que rompe o amanhã e faz vibrar o dia, é luz que ilumina a estrada e faz acreditar que tudo vale a pena. Sejam pesos, sejam lágrimas, sejam gargalhadas, sejam abraços: tudo o que nos mantém vivos vale a pena, porque a vida é trilha mutável que se percorre com o coração vibrante e com as mãos amparadas em outras que querem as nossas acalentar. E segure nessas mãos que são da flor que não tem medo de chuva tempestiva, nem de ventanias soltas e acredita que depois que passar a tempestade o dia mais formoso de sol nos espera.
Por Cláudia Bergamini
PUBLICIDADE
comentários
Continue lendo

Síndico profissional

Sonhos

Pilhas

Humor

Inep vai divulgar notas do Enem

Santo do dia

Santo Antão

Veja mais e a capa do canal
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE